Da transparência


Senhor libertai-nos do jogo perigoso da transparência

no fundo do mar da nossa alma não há corais nem búzios

mas sufocado sonho

e não sabemos bem que coisa são os sonhos

condutores silenciosos canto surdo

que um dia subitamente emergem

no grande pátio liso dos desastres

.

 Sophia de Mello Breyner Andresen

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: