Improviso


Aos ventos que passavam,

por não poder com elas,

atirei um punhado de palavras.

Se rápidas voavam,

depressa regressavam

e  tombavam

como no céu, às vezes, as estrelas,

ou  pétalas de flor no chão.

E  o meu poema, os ventos o dirão…

gaivotas

José Régio

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: