O resgate


Alegria por vezes dispersiva
quem a tem não a tinha tido antes,
quando os homens falavam, hesitantes,
da liberdade ausente e sempre esquiva.
.
Uma alegria cristalina e viva
com belos movimentos ondulantes
de rios bravios, de multidões vibrantes,
que levam as derrotas à deriva.
.
Derrocada dos donos e senhores,
na hora justa que explode em flores,
no resgate de tantos desenganos.
.
Alegria, alegria, tu nos levas
contigo, e atrás de ti ficam as trevas,
as trevas temerosas dos tiranos.

SONY DSC

Sidónio Muralha

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: