Eu tenho medo de amar


O amor ainda está fora
esperando eu sair p´ra me atacar.
Eu tenho medo de amar.
.
Ele está armado com bombons e buquês.
E agora eu vou fazer o quê?
Eu tenho medo de amar.
.
O amor quer bater dentro de mim,
quer ser começo, meio e fim.
Eu tenho medo de amar.
.
Eu esperei escurecer e ele ainda está lá,
pois é à noite que ele gostas de atacar,
e eu ainda tenho medo de amar.

Marco António Cardoso

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: