O buraco da agulha
Abril 7, 2016

Vou de camelo pelo buraco de uma agulha
vou de camelo e não encontro o reino.
.
A porta é estreita mas os ricos
estão a comprar passagem e estão a entrar.
.
Vou de camelo pela oferta e a procura
e há quem pense que o céu também tem preço.
.
Tens de vir outra vez para dizer
que não pode servir-se a dois senhores.
.
Vou de camelo pela porta estreita
vou de camelo e não consigo entrar.
.
Tens de vir outra vez que os fariseus
não nos deixam passar não nos deixam passar.

Manuel Alegre

Manuel Alegre