Contigo
Agosto 8, 2014

Sou eu, sou eu que não durmo,
contigo nos sentidos.
Sinto-te caminhar sobre as águas
do meu corpo – não sejas queimadura
nem boca do deserto.
Nenhum amor é estéril, um filho
pode ser uma estrela ou ser um verso.

we-are-all-poets
Eugénio de Andrade.

I
Abril 8, 2011

O mais importante na vida

é  ser-se criador – criar beleza.

 

Para isso,

é  necessário pressenti-la

aonde os nossos olhos não a virem.

 

Eu creio que sonhar o impossível

é  como ouvir a voz de alguma coisa

que pede existência e que nos chama de longe.

 

Sim, o mais importante na vida

é  ser-se criador.

E  para o impossível

só devemos caminhar de olhos fechados

como a fé e como o amor.

António  Botto   em    Canções